Jogo de tabuleiro – Zombicide!

Eu realmente não gosto de histórias de zombie, de todos os filmes que vi só consegui gostar de Rec, e porque ele possui um motivo diferente para o surgimento dos zombies. Quando meus amigos me convidaram para jogar Zombicide, fiquei com o pé atrás. Eu gosto muito de jogos de tabuleiro, principalmente os que a Galápagos vem lançando, mas… zombies? Não sei, não.

Mas eis que o jogo se revelou muito divertido! Como ele é colaborativo, ou seja, todos os jogadores precisam colaborar entre si para um objetivo em comum, as interações ficam muito bacanas e foi muito divertido de jogar. Outro ponto muito legal do jogo foi que são necessárias estratégias, e todos pensando juntos e dando ideias acaba fazendo com que o jogo ficasse mais interessante.

Se ele tem algum ponto negativo eu diria que é a quantidade de regras com detalhes pequenos que fazem toda a diferença se não forem muito bem interpretados. Quando jogamos, pensamos que cada vez que uma horda de zombies nova fosse sorteada para aparecer, isso queria dizer que em cada ponto de surgimento de zombies no mapa iriam aparecer tantos zombies conforme especificado em uma única carta. Depois de jogarmos, um amigo nosso nos disse que não é bem assim, na verdade deveriam ser retiradas uma carta para cada ponto de surgimento de zombie. Isso pode explicar o porque de não ter sido tão difícil quanto parecia superar alguns mapas.

Imagem: Galápagos Jogos.

Falando nisso, o jogo pode ser jogado em uma sequência de mapas que possuem dificuldades. E o primeiro mapa após o mapa de tutorial já é um difícil. Achei isso muito legal, se é para ser um jogo baseado em estratégia colaborativa, nada melhor do que ser difícil de vencer. Outro jogo de tabuleiro com essas características que joguei anteriormente foi Eldrich Horror, também excelente.

A história do jogo é o clichê básico do apocalipse zombie: epidemia, zombie para todo lado, sobreviventes tentando sobreviver mais. Os personagens que vem junto com o jogo (dá para criar mais, achei fantástico!) são bem interessantes, cada um possuindo habilidades específicas. A ideia é que quanto mais pessoas que começam o jogo sobreviverem até o final, mais fácil será de vencer o mapa. Isso acontece porque existe avanço de nível dos personagens, e quanto maior o nível, mais zombie deverá aparecer ao final de cada rodada.

Recomendo muito este jogo, e também sugiro que ele seja comprado colaborativamente, assim não fica pesado para apenas uma pessoa, e todos vão se divertir com certeza! Mais informações no site da Galápagos Jogos.

Até a próxima!

jogo de tabuleiro recomendação

Deixe uma resposta